segunda-feira, 24 de julho de 2017

Uma semana atípica para quem circula habitualmente sobre carris...




Foto de Rafael Santos.

Chegou o verão e com ele veio uma novidade na carreira 28E. Longe dos planos para as carreiras de bairro até porque Campo de Ourique é uma zona bem servida de transportes, a Carris decidiu colocar um reforço com recurso a mini-bus na tão procurada carreira 28E no trajecto compreendido entre os Prazeres e o Largo Camões, no sentido de servir os clientes nacionais que se deslocam no seu quotidiano para o trabalho ou para as lides do dia-a-dia.


Foto de Rafael Santos.Cada vez mais impossibilitados de entrar nos sempre cheios eléctricos, os locais viram com agrado, mas também com alguma surpresa o aparecimento deste autocarro, ainda que, com muito pouca divulgação, facto que terá levado à pouca procura nos primeiros dias. Ainda assim, os comentários foram bastante positivos por parte de quem os utilizou. A grande procura regista-se mais após as 17h00 no sentido L.Camões - Prazeres, mas deverá ter tendência a ser alargada, com o passa a palavra dos passageiros. Com viagens de 15 em 15 minutos, algo quase impossível de se cumprir os dois autocarros ali andam a subir e a descer a par com os eléctricos sempre apinhados de turistas. A par com este reforço, surgiram também dois autocarros articulados na carreira 15E, porque a capacidade de resposta para tanta procura também estava aquém das expectativas. 
Foto de Rafael Santos.

No entanto, não posso deixar de registar que muita gente continua a preferir o eléctrico, por ser um meio de transporte "mais confortável e fresco", segundo as palavras de uma passageira do 28E. A semana foi portanto um misto entre o modo eléctrico e autocarro, que tornou certamente uma quebra da rotina habitual. Entretanto também quem voltou às ruas de Lisboa foi o eléctrico de turismo decorado com os tapetes de Arraiolos, após um período em que teve de ser alvo de uma reparação técnica. Assim quem nos visita pode novamente ter contacto com um dos artesanatos mais típicos do país enquanto viaja pelas colinas de Lisboa.




Semana esta que acabou ontem com a realização em Lisboa do World Bike Tour, com um trajecto compreendido entre Belém e a Praça do Comércio, que causou alguns cortes de trânsito e alguma confusão entre os passageiros locais e os que nos visitam. A carreira 15E viu-se obrigada a uma limitação no seu trajecto durante o evento, tendo realizado viagens entre Santo Amaro e Algés, com grande parte dos passageiros a reclamarem com os guarda-freios sempre que se chegava ao Centro de Congressos e se anunciava fim de viagem. 

Sem comentários:

Translate