quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

[Off Topic]: «Os outros lisboetas», numa excelente reportagem TVI

Até aqui tenho trazido alguns episódios e histórias muitas delas com os lisboetas, como principais intervenientes, nas suas viagens a bordo dos autocarros e eléctricos da Carris, por esta cidade magnífica que é, Lisboa. Umas mais engraçadas que outras. Algumas até inéditas e impensáveis, mas nesta Lisboa o que não falta é História. Foi aqui que nasci, foi aqui que cresci e é aqui que gosto de estar. E razões não faltam, para provar esta minha paixão por Lisboa.

«Lisboa foi distinguida em três categorias nos World Travel Awards. É o melhor destino europeu, a melhor cidade europeia para uma escapadela e, ainda, a melhor cidade destino de cruzeiros.» A TVI, e a equipa do "Repórter TVI" durante várias semanas, tentou «redescobrir a cidade que D. Afonso Henriques conquistou em 1147. Tantos séculos depois, encontramos uma Lisboa livre e humana. Uma Lisboa do povo, que aqui e ali, regista momentos e retratos de outros tempos. Quem são afinal estes outros lisboetas e porque resistem eles à história contemporânea?»

A resposta está numa excelente reportagem da jornalista Conceição Queiroz, com imagem de Ricardo Ferreira, montagem de Miguel Freitas e grafismo de Ricardo Rodrigues, que passou na passada segunda-feira, após o «Jornal Nacional». Uma reportagem que destaco e que trago até aqui, para que, quem não viu, veja agora como era a Lisboa de outros tempos e a Lisboa actual. Das ruas estreitas e casarios, aos eléctricos, com os «outros lisboetas» que também fazem desta cidade um dos principais destinos do Mundo.

Clique na imagem para ver o vídeo. Se quiser comentar esta reportagem sobre Lisboa, faça-o através do site TVI



Foto: Rafael Santos / Link: tvi.iol.pt

4 comentários:

Anónimo disse...

até dá para ver a guarda-freio Ana, que por acaso é da cidade do porto eh eh eh.

Condutor do TXXI disse...

Penso que ao mesmo tempo que deu esta reportagem na TVI deu outra parecida na RTP1 em que entrevistaram a Guarda-Freio Sara Coelho.

Boas Reportagens.

Andre Bravo Ferreira disse...

A reportagem está muito boa, mostra coisas que a maior parte das pessoas desconhece. Nos bairros típicos, a convivência é de tal forma que parece que estão numa pequena vila ou aldeia.

Só é pena o senhor da drogaria ter falecido na véspera de Natal e a loja está fechada, queria tanto lá ir...

Grande abraço e Bom Ano para todos.

Vasco disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

Translate