segunda-feira, 30 de novembro de 2009

De olho na net... e com as gaffes da Serenela

Continuando esta ronda pelos vídeos que vão surgindo na Internet, descobri ontem, que no passado dia 26 de Novembro uma equipa de reportagem do programa «Praça da Alegria», da RTP1, com Serenela Andrade visitou as instalações da Carris em Santo Amaro, com o intuito de dar a conhecer uma vez mais o projecto «MenosUmCarro.pt», que foi lançado em Outubro pela Carris e que visa a discussão sobre a mobilidade na cidade e que tem como objectivo fomentar o uso do transporte público.

Presente na entrevista esteve o Director de Marketing da Carris, Francisco Sousa e por parte da PSP de Lisboa, a Sub-Comissária Carla Duarte, tendo ambos respondido a algumas questões colocadas então, pela jornalista Serenela Andrade que, não fossem algumas gaffes cometidas, teria feito uma excelente reportagem. Pois convém corrigir alguns pontos que podem passar despercebidos aos mais desatentos, mas chamemos as coisas pelo seu nome.

Pois bem, os eléctricos não dispõem de "buzina", mas sim de uma campainha. E volante é algo que o guarda-freio não tem na sua frente, nem nos eléctricos tradicionais, nem tão pouco nos mais modernos que como é dito na peça, podem durar 70 anos, facto este que duvido, mas é apenas a minha opinião.

Ainda assim, e no geral, a peça está engraçada e penso que merece também referência aqui no blog, numa altura em que as férias vão decorrendo rápido de mais :)




Boas Viagens!

15 comentários:

Vasco Lopes disse...

Vá lá, vá lá... não ter chamado "camioneta" ao eléctrico como eu ouvi há uns tempos, já não está mau de todo!

Andre Bravo Ferreira disse...

Também fiquei a pensar, ainda duram mais de 50 anos! Só quando tivermos a morrer é que compram novos eléctricos. Parece que podemos
esquecer novas linhas, ahhahahah

Grande abraço.

Bruno disse...

70? o 510 encontra-se "desfeito", está agora a receber peças novas....

Busorganist disse...

Além de que Santo Amaro não é a sede da Carris. Essa é em Miraflores..

Eu disse...

Eles só mostraram os unicos electricos que nao tem batidas...
Os electricos novos, nao duram 70 anos, È MENTIRA, aquilo esta tudo podre a cair aos bocados... Aquilo até é um perigo andar na rua..
O Aroma que eles dizem, só se for o patcholy, porque eu ando la todos os dias, e nao senti aroma nenhum.
Senhor do Markting, aquilo vai ate à Praça da Figueira, nao é só ao Cais do Sodré,antes de incentiveres alguem a dar uma volta, se calhar é melhores ires primeiro. Só tenho pena de não terem mostrado o Bart Simpson, sim é o nome do funcionario da carris que la aparece... o unico que percebe do assunto, foi o unico que nao lhe fizeram perguntas nenhumas...

CR 35 disse...

Então Povo! não confiam nos trabalhadores oficinais dos eléctricos que ainda hoje põem a circular os outros mais antigos e que poderão durar mais 70 anos, e se reactivarem outras linhas aproveitem os planos e façam cópias porque deve existir no papel ou nos arquivos da carris a maneira de fazer as carrocerias e aplicar as novas tecnologias de tração actuais para que não se perca a identidade deste meio de transporte ex-libris da cidade e quanto á reportagem é tão feita á pressa que não se entende qual o "fio condutor" da mesma que valia mais não se ter realizado.Boas viagens pelas poucas colinas de Lisboa percorridas pelos Amarelos da Carris

JC Duarte disse...

Acredito que não se chame volante, até porque nem sequer é redondo. Mas... como se chamam os manipulos?
E, já agora, sempre será verdade que a popular expressão "Vai a nove" advém da nona velocidade do carro eléctrico?

Rafael Santos disse...

Amigo JC Duarte é sempre um prazer vê-lo por cá! :)

Quanto ás perguntas colocadas pelo pouco que ainda sei o manipulo da esquerda, mais conhecido por uma manivela chama-se controller e permite acelarar e travar o eléctrico e o da direita é a válvula de Guarda-freio que permite efectuar as paragens do carro.

Já sobre a expressão «vai a nove» é já antiga e ao que parece advém mesmo do 9.º ponto de corrente que era o máximo da corrente de há uns anos valentes atrás. Actualmente esse nono ponto crio que foi ultrapassado pelo 12.º ponto mas quando tirar a formaçãod e Guarda-freio podereie sclarecer ou então pode ser que surja por aqui algum Guarda-freio a esclarecer :)

Abraço a todos!

Eu disse...

Do lado esquerdo tens a controller, e tambem a chave de inversao... do lado direito tens a valvula de guarda freio, e o pai nosso..

Esse 9ª ponto agora diz se Full parelalos...

isso dos 9º pontos é de um electrico anterior aos 700's visto que estes so tem 8 pontos..

equipier disse...

70 anos?!?! lolo deixem-me rir como o bruno disse o 510 ta desfeito e é o mais recente de todos!!!!
ai sr rafael "travar" lolol na formação ja vais aprender que "travar" não existe nos electricos é mais "frenar" lololol
Um abraço aqui do maçarico da 15 e boas ferias

hj andavas pela 28 que eu bem te vi por la
Abraço

Eu disse...

oh equipier vai jogar pes. pk ainda es pior que o outro que corta em belem.. tu so fazes figueira--> cais do sodre

equipier disse...

lolololololol nao sei quem és mas tens muita graça olha k o outro hj ate entrou atras de mim knd era a chapa da frente lolollololol

Abraços

Filipe disse...

Esse director de marketing nem sabe que o E15 faz praça da figueira- Algés faz é questão de passar o passe na maquina só para a fotografia,10 anos esses articulados tem quase 15 anos de serviço, durar 70 anos so se for museu é raro o dia em que não tem que andar um ou dois electricos dos outros porque os articulados esta avariados.
Deixo aqui link sobre os mesmos electricos que nos temos em lisboa mas em valença (metro linha 4) .
http://www.youtube.com/watch?v=c5_8rlWApwU
como se pode ver em outro video existem novos veiculos na mesma linha pode ser que a carris compre em segunda mão aqueles que em valença não ja não servem.
um abraço rafel
Filipe

CR 35 disse...

Povo! nos carros mais antigos tipo 200 e 500 mas mais nos salões e que se poderão ver no museu da CCFL existiam as chamadas manivelas com o controller no lado esquerdo que no Verão servia também para passar as calças a ferro e no lado direito o manípulo de ar ou válvula de guarda-freio e quando por vezes se antigia o máximo de velocidade na 24 de julho o povo exclamava !bolas" que até vai a nove que era o último ponto de corrente na altura, originando o disparar por vezes da breka (do inglês) o corte de corrente por cima da cabeça do guarda-freio quando a velocidade era um pouco excedida.Boas viagens

Anónimo disse...

ir a nove - levas uma chapada que até vais a nove.
expressão usada para simbolizar a velocidade "vertiginosa" dos eléctricos "K 10" salões na 24 de julho
um abraço "2726"

Translate