domingo, 25 de outubro de 2009

«Lisboa Eléctrica II»: Viagem pelas colinas com a carreira 28E

Inaugurada em 1914, esta é ainda hoje a «jóia da coroa» da rede de eléctricos de Lisboa. É já património de Lisboa e conhecida em todo o mundo. Partindo do Martim Moniz, esta carreira começa por subir ruas, passa por largos e por estreitos, sobe e desce colinas e sempre cheio até á porta. Na Graça quase esvazia para quem quer ver o Tejo do topo da colina, mas num instante volta a encher para levar turistas ao Castelo ou para levar a passear aos Prazeres quem aproveita uma tarde de sol na capital.

Veio substituir as carreiras 10 e 11 que eram carreiras de circulação da Graça e que circulavam em sentidos opostos e é hoje a mais procurada. É a par da carreira 12, a que circula com trolley e onde não é permitido o uso do pantógrafo, dado o seu percurso sinuoso. É a minha carreira preferida da Carris e como tal também aqui merece destaque com este segundo vídeo desta rubrica «Lisboa Eléctrica»...


Boas Viagens!

3 comentários:

Maria José disse...

Tem bom gosto, se gosta do 28 ;)
Só uma correcção. Não me parece que se possa dizer que o 28 substitui o 10 e o 11 pois foi seu contemporâneo. Lembro-me perfeitamente das 3 carreiras ao mesmo tempo :)

Andre Bravo Ferreira disse...

Mais um magnifico vídeo Rafael, parabéns! Não faço uma viagem no 28E à muito tempo, já sinto saudades.

Grande abraço.

Angelo disse...

Tenho andado no 28 imensas vezes. E é sempre óptimo!

Translate