terça-feira, 20 de janeiro de 2009

E porque também há coisas boas....

E porque também acontecem coisas boas no nosso dia-a-dia, e até naquelas carreiras que menos gostamos de fazer, penso que também têem direito a um lugar neste meu cantinho on-line. Hoje andei na 793, que a par das 108 das que menos gosto de fazer devido ao seu percurso e passageiros, mas hoje houve uma senhora que a meio da tarde agradeceu encarecidamente o facto de ter aguardado por ela que corria o que podia em direcção ao autocarro.

Na rua chovia bem e quando entrou lá soltou: «Graças a Deus que ainda há gente boa. Muito obrigado por ter esperado senhor motorista!» É daqueles elogios que qualquer um gosta de ouvir e que nos fazem gostar daquilo que fazemos.

Hoje também foi dia de greve para os professores, facto que tornou mais calmo o dia, ali para os lados de Marvila onde se encontram algumas escolas que por vezes trazem alguns jovens para os autocarros, que não respeitam nada nem ninguém.

O serviço correu bem no meio de tanta volta. Ah mas ainda houve tempo para ouvir: «Coitados dos motoristas... terem de andar a fazer manobras nestas ruas apertadas...» e isto graças a um reboque que estava a rebocar um carro em Marvila, mas com uma vontade enorme da parte do rebocador que fez esperar tudo e todos até que rebocasse o dito carro, originando a que eu me tivesse cruzado com a outra chapa que estava a chegar a Marvila. Lá fiz marcha atrás, o colega passou e prossegui viagem.

Agora é gozar as folgas porque para a semana há mais...

1 comentário:

Carlos Correia disse...

Realmente a zona de Marvila é complicada para veículos de grandes dimensões. Talvez naquela zona mais estreita fosse de considerar a instalação de um semáforo para circulação alternada. Digo eu, claro...

Cumprimentos

Carlos Correia
element@netcabo.pt

Translate