sábado, 15 de novembro de 2008

"Janela Indiscreta" descobre diariodotripulante.blogspot.com

A blogosfera tem de facto um poder que é inimaginável, ao qual só nos apercebemos depois de entrarmos nela. A determinada altura do passado mês de Agosto, decidi criar este blog como passatempo, mas também como um arquivo das muitas histórias e episódios que já assisti desde o dia em que tive a sorte de entrar para a Carris.

E digo sorte, porque estou satisfeito com o meu trabalho. Obviamente que podem colocar a questão: "Mas não preferias a televisão?" - Obviamente que sim! Mas sendo no momento impossível de concretizar esse desejo, porque não escolher algo que gostamos também de fazer.

Ironia ou talvez não, recordo um trabalho final do curso de câmara, que tirei na etic. Uma reportagem de 3 minutos sobre os históricos eléctricos da Carris, que na altura me valeu uma boa nota. Quem diria que passados alguns anos estaria eu deste lado?! A vida dá mesmo muitas voltas e muitas voltas também dou eu neste meu dia-a-dia a volante dos autocarros da Carris.

É este movimento constante e o contacto com o público e claro está a história de uma empresa centenária que opera no coração da minha cidade - Lisboa, que me fazem estar satisfeito com o trabalho que tenho actualmente.

Hoje tive conhecimento que o blog foi referido pelo jornalista Pedro Rolo Duarte, no seu programa de entretenimento «Janela Indiscreta» da Antena1, que já o tinha referido no seu blog. Nunca pensei que o blog fosse falado na rádio, nem era esse o objectivo, até porque tudo não passou de uma brincadeira para contar as diversas situações, por vezes engraçadas que vão acontecendo no dia-a-dia de quem trabalha nesta grande empresa.

A curiosidade em ouvir o que foi dito, levou-me ao site da RTP, onde encontrei a página do referido programa, onde a 14-11-2008 foi abordado este blog:

http://ww1.rtp.pt/multimedia/index.php?prog=2361

Ao jornalista Pedro Rolo Duarte, aqui fica o agradecimento pelo seu olhar indiscreto sobre o blog.

7 comentários:

PaPeRaNoU disse...

O que eu já me fartei de rir com as tuas peripécias do dia a dia.É bom que muita gente saiba que ser motorista da carris não é mesmo "pêra doce"...somos nós quem damos a cara pela empresa,somos nós que respondemos pelos erros que por vezes não são nossos...somos nós que temos de ouvir coisas menos boas mas que por vezes,umas paragens mais á frente, ouvimos coisas boas e então superam as más...mas a nossa profissão é mesmo assim...ainda me lembro das famosas frases do meu formador: "Antes de começarem a "queimar" alcatrão,passem pelo vosso centro de saúde e tomem a vacina da raiva..." LOOOL..."Quando ouvirem coisas menos boas, a melhor resposta é ignorar..." É o que tenho feito...a vacina arranjei outra maneira,como não gosto de picadas,optei pelo kickboxing,sempre dou uns murros no saco para aliviar o stress...quando ouço coisas menos boas,faço o que me disseram,ignoro...e tenho saído sempre a ganhar...
Esta tua ideia do blog tá EXCELENTE,contas as mais diversas peripécias do dia a dia. Tal como deves imaginar, eu que faço madrugadas,tenho bastantes...De tudo o que li, as tas peripécias são todas para o pessoal se enterter e rir um bocado, nunca tiveste daquelas assustadores, como eu já tive...lembro-me por exemplo do tiro de raspão em chelas,para que o autocarro parasse á força para um grupo que se fazia transportar num carro conseguir apanhar um outro indivíduo que estava dentro do autocarro...logo percebi que ali haveria negócios "escuros" e para evitar uma "tragédia" ocorreu-me não parar,pedir a psp urgentemente e esperar que a central entrasse em contacto com eles e eles viessem ao meu encontro, que graças a Deus não demorou mais que 5 minutos(sabendo que por x nã é assim)...isto poderia-me ter causado uma tragédia a mim,mas foi o que a minha consciência me mandou fazer naquele momento...ainda hoje quando passo no bairro do armador, o tal indivíduo que lá mora,quando me vê faz questão de me cumprimentar,chega mesmo a entrar no autocarro para saber se está tudo bem comigo e que se precisar de alguma coisa,sei onde ele mora(palavras ditas por ele).Sou tido como um "deus" para ele...Não era por menos,pois acho que lhe salvei a vida...enfim...é bom e fico contente que nunca tenhas tido destas pois apanhei mesmo o maior susto da minha vida,só penssava no meu filho e na minha mulher...
Vou passar a ser um leitor assíduo do teu blog,quando estiver menos humorado já sei onde posso recorrer!
Um GRANDE abraço e vêmo-nos pela musgueira...

ana disse...

Que grande descoberta, este blog. Vou ficar freguesa habitual, ainda para mais sendo utente da Carris (ui, apanho tantas vezes o 42...). Muito prazer em conhecer. Como tenho por hábito cumprimentar sempre os motoristas (coisas de alentejana), quem sabe se não nos cumprimentámos por aí?

josé carlos soares .˙. disse...

Grande ideia e belo blog.
Um abraço

1001 Acessórios disse...

à descoberta na net, encontrei o teu blog.
adorei o que li, existem histórias que devem e merecem ficar registadas.

vou voltar!
cumprimentos
1001

Nefer disse...

Olá, através do RCP tive conhecimento do teu blogue que acho bastante interessante, tambem eu sou motorista de serviços públicos na Vimeca onde já estou à 9 anos, voltarei um dia destes para poder contar algumas das minhas histórias. Até lá, aqui deixo uma frase que "já era", BOA NOITE SR. MOTORISTA

eduardo disse...

Oi rafael, daqui directamente do norte, o teu amigo Quim informa que já me encontro em casa e a recuperar. Os meus sinceros agradecimentos pelo teu apoio e parabens pelo teu blog, está excelente. Até breve e manda sempre.

Rafael Santos disse...

Boas Eduardo,

É bom receber essa noticia. Continuação de rápidas melhoras. Abraço

Translate