domingo, 17 de agosto de 2008

As recolhas da discórdia...

755 MUSGUEIRA
35 MUSGUEIRA
36 MUSGUEIRA, entre outras...

Eis algumas das bandeiras de destino que causam sempre confusão entre passageiros distraídos e motorista da Carris.

A primeira (755) recolhe com as referidas bandeiras, proveniente de Sete Rios, pelo percurso da carreira até à Av.Brasil onde entra na rua das Murtas com destino à Musgueira e é precisamente nesta paragem da avenida do Brasil que tenho a primeira história deste capítulo.

Antes de encostar à faixa da esquerda, verifiquei pelo espelho que resistiam duas passageiras distraídas certamente. Gentilmente prontifiquei-me a encostar o autocarro à paragem e informar que o mesmo ia para a recolha – Musgueira, ao que uma saiu agradecendo, não tendo o mesmo acontecido com a outra.

Confusa, a cidadã brasileira questiona-me: «Pra onde você vai?», ao que volto a dizer que vou com destino à Musgueira. Em tom revoltado diz-me: «Mas eu vou pra av.igreja...»


Contem até 3 para mim e informei: «Terá de descer aqui e apanhar o autocarro que diga nas bandeiras “755 Poço Bispo”, ao que de imediato me responde: «Mas eu pego todas as noites o 755 e agora o senhor me diz que não passa lá?!»

Pacientemente lá tornei a explicar, que aquele carro ia recolher pelo que ia por um percurso diferente, tendo ela de estar atenta às bandeiras.

Desagradada com o facto de ter de sair: «Você não tem de me expulsar do ónibus porque eu pego toda a noite 755... Está sendo muito indelicado»

A paciência esgota-se e digo: «Eu não a tou a expulsar, apenas alertei, mas sendo assim, parece que quer descer na Musgueira...» e fechei a porta. Também ela chateada, informa-me que sai ali mas que iria apresentar queixa minha, coisa que não aconteceu...

Na 35 também já há algo idêntico, mas mais “soft”. Local: Hospital Júlio de Matos, viro à direita em vez da curva habitual à esquerda com destino à cidade Universitária e eis que surge lá do fundo um desabafo: «O senhor enganou-se!»

E eu respondo: «Eu não me enganei. A senhora é que parece estar enganada porque este autocarro vai para a Musgueira», chateada lá saiu a palavrear algo que não fiz questão de tentar perceber dada a má educação da mesma...

Enfim situações diferentes mas com o mesmo fim e que também já me aconteceram no Lumiar com a 36... E a desculpa é quase sempre a mesma: «O senhor mudou agora as bandeiras porque dizia lá....»

2 comentários:

cristiano disse...

Mas a carris podia mudar as bandeiras para (35 Recolha Musgueira)como a STCP faz!!

Joao Baptista disse...

isto só se explica por duas razões, por preguiça das pessoas em ler ou então pelo analfabetismo

Translate